LinkedIn anuncia mudanças nos Termos de Serviço!

Monitoramento Redes Sociais

1324 visualizações

LinkedIn anuncia mudanças nos Termos de Serviço!

O LinkedIn acaba de anunciar mudanças em seus Termos de Serviço com o objetivo de tornar mais claro para seus usuários quais dados são usados pela plataforma, garantir maior controle sobre anúncios e, sobretudo, acabar com os discursos de ódio na rede social voltada para profissionais.

As alterações se aplicam ao Contrato do Usuário, à Política de Privacidade, à Política de Cookies e às Políticas para Comunidades Profissionais. Todas as mudanças entrarão em vigor em 8 de maio de 2018.

Com as atualizações dos Termos de Serviço, será possível ter mais clareza sobre quais dados são coletados sobre os usuários, como estes dados podem ser corrigidos e qual processo seguir para que o LinkedIn deixe de usá-los. Dentre esses dados, informações como: dados salariais, contatos, telefone e e-mail.

Além disso, as novas configurações também permitem que o usuário tenha maior controle sobre os anúncios que são vistos e mais transparência sobre como os dados são compartilhados com anunciantes.

Outra mudança nas políticas de comunidades garante que o LinkedIn apoie comportamentos éticos e reprima tudo aquilo que não é desejável, como preconceito ou assédio moral. Estas políticas incentivam conversas que ajudem os usuários a serem mais produtivos e bem-sucedidos, e indicam quais atividades são proibidas no LinkedIn, como por exemplo o assédio e o discurso de ódio, os quais não são bem-vindos na plataforma e podem resultar em expulsão do LinkedIn.

Além disso, a rede agora quer saber caso um usuário esteja sendo remunerado para promover um produto ou serviço. De acordo com a nova política, será necessário divulgar que aquele usuário está dando sua opinião ou agindo em troca de pagamento.

“Ao atualizar estas políticas, garantimos que sua privacidade venha sempre em primeiro lugar. Nós agora cumprimos com os mais altos padrões de privacidade de dados, em conformidade com a nova legislação europeia conhecida como o Regulamento Geral Sobre a Proteção de Dados (RGPD), que entra em vigor em maio. Usuários do LinkedIn no mundo inteiro se beneficiarão dessas alterações.” Fonte: LinkedIn

 

Como monitorar o LinkedIn com o Buzzmonitor?

Configurando o monitoramento do LinkedIn

Para começar é necessário sincronizar sua conta do LinkedIn nas configurações do Buzzmonitor.

Ao autorizar que o Buzzmonitor tenha acesso ao seu LinkedIn, seu perfil pessoal e suas Company Pages serão monitoradas automaticamente.

 

O que o monitoramento do LinkedIn pode revelar?

1. Na parte de Monitoramento, selecione a pasta de sua marca, escolha o relatório que deseja acompanhar e clique em Ver todos os filtros. Em Fontes, selecione a Empresa no LinkedIn que você deseja monitorar.

 

2. Depois, na parte de Filtros, selecione a rede social na aba de Serviços e salve as modificações.

 

Pronto! Agora seus relatórios de monitoramento mostrarão também as informações coletadas da sua Company Page no LinkedIn.

Com os relatórios de monitoramento é possível verificar quais são os profissionais mais engajados com sua página, a evolução diária da rede social, o gênero do público que interage com sua página, as publicações que tiveram mais engajamento e muito mais. Assim é possível obter insights sobre as publicações da sua página e sobre os profissionais que a acompanham.

 

Como fazer atendimento no LinkedIn?

Outra possibilidade é o atendimento ao consumidor. A partir do módulo de Social CRM é possível responder todas as interações que são feitas com sua marca no LinkedIn e e analisar o volume de mensagens.

1. Na aba de Social CRM, clique sobre a pasta do LinkedIn e observe que estará disponível um relatório da página que você acompanha. Clique neste relatório.

2. Dentro dele é possível responder comentários de usuários, criar tags, enviar tickets e muito mais.

 

 

Além disso, com o Buzzmonitor também é possível publicar e agendar posts no LinkedIn no módulo Publicador.

Vá até o módulo Publicador e selecione a conta na rede social para criar sua nova publicação. Você consegue agendar o dia e o horário em que ela será feita.

 

Comece agora mesmo a monitorar o LinkedIn da sua empresa

USE GRÁTIS O BUZZMONITOR

Comentários

Deixe um comentário