Interações X Engajamento no Facebook: qual a diferença?


Com a disputa para aparecer no feed de notícias, seja com publicações impulsionadas ou de alcance orgânico, é importante para a marca escolher qual métrica será usada: interação ou engajamento? Ambas são fundamentais, dependendo do que você quer observar.

OBS: interações no Facebook são reações (curtida, “amei”, “haha”, “wow”, “raiva” e “triste”) + comentários + compartilhamentos. 

A base de fãs passou a não ter a mesma importância que tinha antes, pois não é ela que dita seu alcance e, sim, o impulsionamento com mídia do seu conteúdo. Em uma página que atinge um milhão de fãs com uma única publicação, as interações podem ser usadas para medir curtidas, comentários e compartilhamentos, havendo a possibilidade de comparar com a concorrência. Por isso, mensurar as interações da sua página traz números muito mais precisos em relação ao seu próprio conteúdo.

No entanto, não há como medir o investimento em anúncios do seu concorrente. É aí que a taxa de engajamento entra: quando você compara com o concorrente e não sabe se a publicação dele é paga ou não, a taxa de engajamento ainda é o principal indicativo de que o concorrente está impulsionando seu conteúdo . Veja aqui como ela é calculada

Então, para resumir:

 

Engajamento

A taxa de engajamento é útil ao mensurar as informações que duas marcas têm no Facebook, pois a métrica usa no cálculo a base de fãs. Se o engajamento do concorrente cresce, é possível inferir que houve investimento em mídia.

 

 

Interações (reactions + comentários + engajamento)

As interações são importantes para entender como o público reage às publicações da sua página. 

 

 

 

Comece hoje mesmo a usar o Analytics Pro do Buzzmonitor!

Interações X Engajamento no Facebook: qual a diferença?
Rolar para o topo