Cresce buzz sobre indicação de Raoni a Prêmio Nobel da Paz

Social Analytics

656 visualizações

Cresce buzz sobre indicação de Raoni a Prêmio Nobel da Paz

A indicação do líder indígena Raoni Metuktire para o Prêmio Nobel da Paz 2020 ganhou força nas redes sociais durante o mês setembro, segundo dados do Buzzmonitor Trends, serviço do Buzzmonitor para monitoramento da evolução de buzz sobre temas relevantes em redes sociais. No período, foram feitos 8.729 posts, sendo 93,4% no Twitter. O indígena da etnia caiapó é conhecido mundialmente por sua luta a favor dos povos indígenas e da preservação da Amazônia.

A campanha pela indicação foi lançada pela fundação Darcy Ribeiro no dia 15 de setembro, mas o tema passou a ser mais discutido após o líder indígena ser criticado por Jair Bolsonaro na Assembleia Geral da ONU, no dia 24. Isso levou a um pico de menções ao tema nas redes sociais, com 2.601 posts no mesmo dia.

No dia 29 de setembro, domingo, Caetano Veloso iniciou em seu perfil no Twitter uma campanha pelo compartilhamento da hashtag #RaoniNobel. A hashtag foi mencionada também por outros perfis de veículos e personalidades públicas, como Marina Silva, Jean Wyllys, Randolfe Rodrigues, Mídia Ninja e a ONG ISA.

Isso gerou um novo volume de posts e trouxe o termo à tona novamente, após estar em queda desde o dia 27.

A maior parte do buzz foi gerada pelos homens (43,1%). O post no Facebook que mais gerou engajamento foi da Marina Silva, alcançando mais de 6.000 interações. Já no Instagram, o perfil Mídia Ninja teve o post de maior engajamento, passando de 86.000 interações.

Entre os noticiosos no Twitter, a revista Veja foi o maior influenciador sobre o  tema, com 8 milhões de seguidores, além de Estadão, ABS-CBN News, e Jornal O Globo, com 6 milhões.

Foto de capa: Deutsche Welle Brasil

 

Use agora o Buzzmonitor Trends de forma gratuita!

USE GRÁTIS O BUZZMONITOR

Comentários

Deixe um comentário